Postagens

Esther e seus 2 aninhos

Imagem
Esther, ma petite. Oh, que je t'aime, minha carequinha descabelada! Você hoje completou 2 anos e não tem nem ideia do que isso seja. Não teve bolo, nem festa (ainda), mas teve a dose de alegria diária com muito carinho na cama de manhã, brincadeiras e risadas, no final um banho gostoso do jeito que você gosta e ida à escola. Você logo que viu a tia Téia na escola soltou minha mão e deu xau. Você estava tão feliz! Mas que peninha... apenas 30 minutos depois você teve que voltar pra casa por causa de uma febre. Percalços da vida. Nada que nos abale, filhota. Mas espero que você durma bem. Eu tô cansada e com sono então não sei qual vai ser o resultado desse retrato em letras.  Filha, você mudou tanto nesse último ano. Você que indicava um gênio super forte e temperamento reservado se revelou uma menininha sorridente e expansiva nos últimos meses. Você ainda tem seus momentos de possessividade quanto a mim e alguns objetos, dá um grito forte e raivoso com a testa franzida quando tá …

5 anos de Elias

Imagem
Oi, Elias.

Estou atrasada pro teu retrato em letras anual. Estamos na madrugada do dia 28 de outubro, às vésperas de uma eleição presidencial conturbada e encontrei um tempinho pra me refugiar no mar de amor que tua lembrança traz. Não tive tempo de escrever antes porque além da grande carga habitual de afazeres, esse mês de outubro foi cheio de visitas, festa, almoços de família. Foi animado, foi lindo e uma boa parte disso foi especialmente pra você e graças a você.

Como sempre, a ansiedade pra ficar mais velho foi grande e fizemos juntos um calendário maior que o do ano passado. No dia, tia Cássia e tia Fá, que vieram diretamente de Recife pra esse grande evento, prepararam uma linda festa pra você com o tema Minecraft. Você estava super feliz, mas curiosamente não quis saber de ninguém durante a festa, todo concentrado com o carro transformers dado pela tia da escola preferida. Por ironia, você acabou demonstrando um comportamento um pouco mais birrento logo depois do seu anivers…

Um dia perfeito

Imagem
Domingo. 9h30. Atrasados pra igreja pra tristeza do mais velho. A mais nova acorda com nariz escorrendo. O sol brilha lá fora.  - Vamos dar uma volta, amor? - Claro, vamos ao parque? - Ah, não, preciso ver algo novo. Pegar a estrada. - Beleza. E começam e preparar o café da manhã e a cogitar um lugar legal, mas não muito longe de casa. Troca fralda da menina, escova os dentes das crianças. - Troca de roupa, menino! - Calma, Esther, papai tá preparando, tá quase pronto! Uma se esgoela querendo comer o que tá na panela. O outro tagarela sem parar o sonho que teve. Alimentados. Crianças vestidas. Dentes escovados. Mochilas prontas.  - Bota o sapato e vamos! - Eita, não tô pronta. Pera 10 minutos. 
Em 7 estavam todos no carro. Crianças em suas cadeiras. Cintos atacados. Pai no volante. Dá partida e quando vai saindo da garagem... - PÁRA!!! A PORTA!! tava aberta. Ufa, foi por pouco. Lembrei de uma crônica de uma amiga que dizia que um dia que começava com incidentes desse tipo só podia te…

Contando amores pra dormir

Imagem
Hora de dormir. Lemos um livro. Depois deitamos Elias e eu. Esse é um momento de que gosto muito. Conversamos sobre o dia. Oramos. Trocamos carinho e declaração de amor. Não sempre tudo isso, nem necessariamente nessa ordem. Às vezes ele decide que quer dormir sozinho. Momento muito apreciado também.  Certa noite depois de uma visita à casa da bisa Selma, Elias encheu de palavras esse nosso momento. Eu apenas perguntei "você conversou muito com a bisa?", ao que ele respondeu "sim, eu gosto taaaanto da bisa". E emendou: "mas eu gosto mais do Luigi" (Luigi é mesmo o preferido acima todos por Elias). Logo seguiu numa chuva de palavras sem fim, num tom doce, adocicado, adocicante... "Eu adoro o Luigi e ele me adora. Eu adoro a Ani e a Ani me adora. Eu adoro a tia Mel e a tia Mel me adora. Eu adoro o tio Mika e o tio Mika me adora. Waw, a família inteira do Luigi me adora." Riu e seguiu enumerando: "A tia Claude me adora... O Lucas me adora... …

Um ano de Esther

Imagem
Oi, Esther. Faltam 10 minutos pro dia 22 e eu ainda não consegui te escrever porque eu estou brincando com você. Você me encontrou agora no escritório, levantou se apoiando nas minhas pernas, me olhou com seu olhar meigo, me deu um sorrisinho discreto e apontou pro computador. Cena descrita, agora vou ficar com você. Há um ano, filha, você estava chegando pros meus braços, na tal casa verde, na água. Você veio me ajudar a concretizar um sonho e a tornar a realidade ainda mais interessante. Foi um ano difícil, mas lindo. Eu amo você na minha vida, na nossa família. Você nos trouxe mais dengo, tanta doçura.
(Uma hora e meia depois, muita brincadeira, carinho na barriga, um pouco de choro também, muita ninada e nada de você dormir…)
Round II

Ma petite, você é uma garota comilona, observadora, cautelosa, às vezes bastante assustada. Um tanto brabinha também. Amo sua carinha concentrada, com a testa franzida analisando um novo objeto, tirando e colocando incansavelmente os objetos de uma cai…

Elias e seus desejados 4 anos

Imagem
Oi, Elias. Eu de novo. Gostei da ideia de uma vez por ano (pelo menos) te escrever. E visto seu interesse pela leitura, imagino que logo você poderá ler sozinho as palavras cheias de amor dessa mãe apaixonada que você tem.  Paixão ardida mesmo. Pelo menos uma vez por dia olho pra você e suspiro, o peito cheio de ar e amor. Sinto tanto orgulho do ser que você é e tanta curiosidade quanto ao que você ainda vai se tornar. Talvez toda mãe sinta isso, mas ao te ver tenho a impressão bem forte de que o mundo é um lugar melhor com você nele. Você sabe amar tão bem, de maneira tão generosa e sensível. Esther é privilegiada em te ter como irmão. Quem vive com você é presenteado com seu carinho e sua alegria.  Eu te vi passar por tanta coisa esse ano: nascimento da irmãzinha, ida à escola, primeira mentira contada, muitos questionamentos, muitas quedas, alguns enfrentamentos. Você aprendeu a somar, a correr de um agressor, a dar xau mesmo triste com a partida, a se vestir, tomar banho, prepara…

Relato de parto II - amor rima com raiva

Imagem
Quase meia-noite e finalmente a pequena dormiu. Vou aproveitar o dom de perder o sono assim que ela dorme apesar de ter passado as últimas 2 horas caindo de sono torcendo pra ela dormir. Bom, eu me sinto mesmo devendo tanta coisa a ela. Tenho medo de ela no futuro comparar a quantidade de textos e vídeos dela e de Elias e concluir erroneamente que a amo menos. Ah, Esther, é um amor tão gigante que sinto por você. Tão transbordante, tão asfixiante, tão vital, tão intrínseco a quem eu sou quanto o que eu sinto pelo seu irmão mais velho. Mas é que a realidade atual é tão diferente. Tão mais difícil ter uns minutos pra pensar em você ou em Elias, pois eu estou sempre com um de vocês. E isso não torna nem um pouco esse momento pior, muito pelo contrário. Eu não estou me queixando, estou só explicando porque tem tão menos registro desses seus primeiros meses. E pra preencher uma certa lacuna, hoje resolvi sacrificar um tanto do pouco tempo de sono pra finalmente (quase 9 meses depois) concl…