Presente de Cássia

Às duas horas da manhã, horário de Paris, minha irmã foi a primeira da família em terras brasileiras a me dizer o conhecido "Feliz aniversário". Ela se demonstrou saudosa e melancólica, mas sem deixar de estar alegre e disse que achava que eu ganharia um presente durante o dia. Fui dormir um tanto curiosa. E de manhã, mesmo com pouco tempo antes de ir pra Igreja, liguei o computador, pois algo me dizia que o presente chegaria por lá. Na minha caixa de entrada do e-mail constava uma carta de Cássia. Sem dúvida a declaração de amor vinda dela mais linda e tocantemente sincera. Por isso quero compartilha-la com vocês.


"Hoje completando 21 anos, uma das pessoas que contribuíram para que eu me tornasse o que sou hoje. E é o primeiro ano em 16 anos que eu fico longe dela nesta data tão importante: 19/04. Tô sentindo tanta falta tua... No meu dia-a-dia, pra tudo em tudo. Arrependo-me de não ter aproveitado o seu máximo quando pude. Só me dei conta da grande irmã quando já estava perto dela partir. E hoje eu percebo que eu sinto muita falta dela, ela é a pessoa que eu mais quero do meu lado. Pena que a gente perdeu tempo demais se preocupando em brigar por besteiras. Mas mesmo com as brigas a gente se curtia muito. As nossas leseiras..., e essas foram muitas, nunca pensei que essa menina, Cecília Costa Cabral, minha irmã, fosse me fazer tanta falta.
Eu falo nela dia e noite. Eu acho que meus amigos já enjoaram de me ouvir falando dela. Tudo é motivo de falar de Cecília, tudo me lembra ela, sempre que eu vou fazer algo eu penso no que ela iria dizer sobre; sempre que faço algo de bom é pensando no elogio dela.
Essa menininha do sorriso lindo, do olho de boneca, sensível como uma rosa, foi encantada por esse menino maroto, travesso, que ganhou e conquistou o coração da minha irmã, levando-a pra longe de mim. Mas é esse garoto maroto quem faz minha irmã uma garota muito feliz e o jeito dele encantou a Cecília e a família da Cecília junto. A gente sempre fala "mexeu com um mexeu com todos", do mesmo jeito: conquistou um levou a família inteira. E agora eu tenho mais um irmão que me dá bronca, que é chato, mas que eu amo muito também.
Para esses dois eu desejo tudo o que há de melhor, sinto muita falta dos puxões de orelhas, e das brincadeiras, das horas de intelectualidade; enfim, sinto falta de vocês. Mais bem, Pedro, hoje é o aniversario da minha irmã por isso voltarei a escrever para ela.

Cecília Costa Cabral de Sousa

Garotinha de personalidade forte.

Humor de lua.

Guerreira, sempre conseguiu o que desejou.

Pés no chão.

Estudiosa (NERD) uahsuahsuahsuahsuah’

Alegre, conselheira, cabeça, amiga, irmã.

Minha companheira, e agora vejo que aquele ditado vale muito:

“Agente só dá valor depois que perde”

Na verdade eu sempre dei valor, mas só contava pros outros. Hoje eu não tenho vergonha de dizer a ela que eu amo muito. E que ela faz muita falta na minha vida. E que ela é meu orgulho. E que quando eu crescer eu quero ser igual a ela. Confesso que ao escrever essas coisas e selecionar essas fotos, eu chorei. Mas não de tristeza, de saudade e ri com algumas brincadeiras da gente.
Tu faz tanta falta dentro dessa casa, mas o que me conforta é saber que você está feliz, realizando todos os seus sonhos e ver que você tá crescendo na vida.
Mas hoje é dia de falar de coisas que nos alegram. Vá se divertir com Pedro, que nós estaremos aqui torcendo para que seu dia seja o melhor. Saiba que toda noite eu peço a Deus para que vocês sejam abençoados e protegidos. Eu acho que ele tá me atendendo, né?! =D

Bem maninha, é isso aê vou ficado por aki.

Você é meu espelho de vida! TE AMO MUIIIIITO.

By: Cássia Camila Costa Cabral ♥"

Obrigada, Cássia, irmã amada. Amo você!
4 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Barriga de 5 meses (21 semanas)

Elias e seus desejados 4 anos

Relato de parto II - amor rima com raiva