Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2008

Neve!

Após uma longa e relaxante noite de sono, Cecília abriu a cortina da sua grande janela, que se debruça curiosa sobre a cidade de Clermont. Uma surpresa se revelava: estava nevando! Cecília ficou histérica e não parava de repetir:

- Tá nevando! Tá nevando! Vem ver, Pedro!!

Bernardo, ainda sonolento, levantou-se, aproximou-se e ficou em silêncio contemplando. "Quando neva fica um grande silêncio", alguém disse. Isso porque não havia Cecília nem uma cafeteira do tempo de vovó por perto...

Um momento lindo. "A cidade parecia feita de giz"* Sentimos a agradável sensação de ver mais uma faceta da obra de Deus de perto. Há quem passe a vida à espera de um grande milagre e muitos se decepcionam com Deus por não presenciar tal momento. A verdade é que o Sennhor nos colocou ao alcance da vista um verdadeiro ciclo de milagres. Cada lei física que rege esse mundo que conhecemos é um legítimo milagre do Criador. Nós nos habituamos a viver rodeados por eles, por isso a dificuldade…

Você sabe o que vai acontecer na póxima meia hora?

Imagem
De Clermont-Ferrand

Cecília aproveita com cuidado e carinho, cheia de uma satisfação irradiante, o caça espacial que nos é tão querido. Ela vai trabalhar na hora do almoço, pedala 15 minutos de ida, 15 de volta, prende o veículo numa barra de ferro, ao lado de umas 5 bicicletas velhas, e sobe para encontrar o marido. Bernardo a espera com o almoço a caminho, cheirando à pronto. Algumas horas de conversa, projetos, detalhes, e la se vai a moça, mais uma vez, ao trabalho oleoso e pesado do Apero'Max. A despedida planta saudade em Bernardo. Então, prevendo o incômodo, ele decide levá-la. Dois numa bicicleta, em Clermont-Ferrand, devem ser brasileiros.

No elevador, no pátio, na recepção, sorrisos e uma sensação de benção comum bem aproveitada. No estacionamento, o cadeado violado.

Cecília repete que foi ali mesmo que ela tinha prendido a bicicleta. - Nossa bicicleta... - ela repetia com um tom perdido, de desespero e revolta. Bernardo controla um ódio nascente destruidor, que só viria pi…

Eu não casaria com Rebeca

Imagem
Ouvi falar certa vez de uma teoria que defendia que a sua melhor amiga seria seu par ideal se fosse homem. Sua melhor amiga é uma pessoa altamente confiável, ela te ouve e muitas vezes te entende antes mesmo de você abrir a boca. Vocês sempre se divertem juntas, riem bastante e têm vários pontos em comum. É verdade que Rebeca é minha melhor amiga. É bem verdade também que ela é altamente confiável, me entende e me faz rir. Mas fica faltando o quesito « pontos em comum », que são escassos... Em sua última carta pra mim, ela disse que a gente só pôde ser amiga quando aprendeu a conviver com as diferenças. E ela estava certa; ela bem que costuma ter razão. Ela é fria e calma; eu sou passional e estressadinha. Ela fala baixo, manso e pouco; eu posso ser uma matraca. Ela não gosta de criança (apesar de amar seus sobrinhos); eu vou ter sete filhos. Ela é de uma praticidade invejável; eu sou enrolada...
Ela não se preocupa com besteira... nem com coisa importante; eu sou muito ansiosa. Se el…

Tie Fighter

Depois de um sábado de sol em Clermont-Ferrand, algumas tomadas bem legais com o nosso caça espacial. Quadro de alumínio, câmbio Shimano 21 velocidades, apenas 13 kg. Nada como uma X-Wing, mas é a melhor bicicleta que já tivemos.

Milenium Falcon

Essa é pra Dado, LEGO Master.




Cara, sinto falta das nossas horas de dedicação.

Teóloga

Milena se superou!

Acabei de ler os textos mais recentes que ela publicou no seu blog, e parece que a moça cresceu mesmo. Ela já dava sinais disso quando tinha passado um ano sozinha em Recife, sob a enxurrada de livros complexos, muitas vezes hereges, sobre Deus. Especulações, divagações, suposições, negações e a piedade solene de um Deus paciente, que abençoa.

Quando estava para se formar, as crises teológicas se somaram à sementes de feridas mais pessoais, se é que o amor desperdiçado é mais pessoal do que a impressão de que, entre invisível e real, Deus prefere sempre ser o invisível.

A falta de fé afasta o homem de Deus muito mais do que a pouca ciência. Mas ela cresceu.

Hoje, eu li com orgulho alguns versos do meu sangue.

Parabéns, Milena.

Oração

Hoje, estamos inaugurando nossa lista de oração, que vai ficar por tempo indeterminado aí ao lado, para os irmãos que quiserem saber nossos motivos de oração mais específicos. Também estamos atentos aos motivos de oração das nossas famílias e amigos.

Quando eu morava em Sorocaba, estava sob o olhar atento de meus pais. Eles oravam bastante por mim.

Hoje, eu não estou mais sob o olhar atento deles, mas eles ainda oram por mim. Além disso, eles ganharam mais um nome para orar, e isso é bom. Eles oram por Cecília também.

Foi ainda sob o olhar deles que eu aprendi a importância da oração. Jether, tendo sido mecânico, explicou uma vez que a oração é como o combustível do crente, que carro nenhum anda sem gasolina, etc. Foi sob o olhar deles que eu chorei o pecado certo e a fé frouxa da adolescência, depois da juventude. Foi sob esse olhar que eu me ajoelhei admitindo que estava perdido, que era tudo orgulho, que eu ia orar.

Eu orei, mas não o bastante. O rumo certo custou a chegar. Quando …

Cecília indo pra batalha

Aqui vai um pequeno vídeo (meio sem pé nem cabeça) em homenagem à mulher que sustenta essa casa.



Bernardo fica cozinhando, lavando louça, lavando roupa...